fbpx

Coelho Neto

Início Coelho Neto Página 7

Américo de Sousa: Sincronizado com a candidatura de presidente em 2022

Há uma grande chance de Jair Bolsonaro (PSL) enfrentar aquele que considera “o pior governador de paraíba” em 2022. Para Flávio Dino (PCdoB), a opção é não ser mais comunista de carteirinha na próxima eleição. Pois, ele sabe que vai precisar de um partido maior e portando já namora o PSB (Partido Socialista Brasileiro).

Nas útlimas elições (2018), o atual partido de Flávio Dino PCdoB (Partido Comunista do Brasil) não superou a chamada clausula de barreira. Só não ficará sem verba do fundo partidário e tempo de TV em 2022, devido uma fusão aprovada pelo TSE em maio deste ano (2019) com o PPL (Partido Pátria Livre).

Flávio Dino não pretende fazer a troca de partido agora, vai esperar até após as eleições municipais de 2020. Porém, como não gosta de deixar pontas soltas já começa a fornecer motivação e apoio ao partido dentro dos municípios, tudo a fim de futuramente colher o apoio e força do partido que visa ser o representante.

O PSB desde o fim da ditadura militar sempre esteve alinhado com o PT (Partido dos Trabalhadores), que inclusive foi vice na chapa do Haddad em 2018. Isso é favorável às pretensões de Flávio Dino, que já iniciou uma conversa com o presidente nacional do partido, Carlos Siqueira. Flávio tem apoio total do presidente estadual do PSB do Maranhão, o tambem aliado político e atual prefeito de Timon, Luciano Leitoa.

Sincronia e conjunto

Nas eleições que se aproximam em nosso município, quando grupos políticos venderem a ideia que tem o apoio “político” do governador, duas perguntas devem ser feitas: O que o governador tem feito politicamente, e qual grupo de Coelho Neto tem se alinhado ao que ele tem feito?

Coincidentemente, essa semana recebemos a notícia de que Orlando Azevedo, ex-presidente do PPS coelhonetense, está prestes a se tornar o presidente do PSB em nosso município. O atual Secretário de Infraestrutura e Urbanismo do Governo Américo de Sousa (PT), não foi escolhido ao acaso, usou-se o critério da fidelidade política a Américo, e por ser o nome ideal para se tornar o mais novo elo de consolidação política entre Américo de Sousa, Flávio Dino e a família Leitoa.

Se olharmos sutilmente, é possível observar que Coelho Neto já se tornou parte num conjunto de engrenagens políticas que se movimentam a partir de uma maior. A cada passo estratégico que nosso governador tem dado na política, algo semelhante acontece no governo Américo, e acredite, nada é feito de forma independente ou unilateral, tudo acontece de forma sincronizada com o núcleo que dá suporte ao projeto político pensado pelo governador Flávio Dino para 2022.

A medida que o tempo passa, a eleições majoritárias de 2020 tem se tornado fácil de compreender. No que tange aos apoios políticos, já é possível vislumbrar qual grupo terá o apoio dos dirigentes mais importantes do nosso estado.

PARA CIMA PARA BAIXO

PARA CIMA

ALBERTINO VERÍSSIMO: O Secretario Municipal de Agricultura e Pesca já se tornou uma referência no governo Américo de Sousa (PT), ao lado de sua equipe, se dedica ao trabalho com entrega e foco naquilo que sempre sonhou para o homem do campo: oportunidades e reconhecimento. Típico trabalhador silencioso, hoje vê suas realizações fazendo barulho — bem merecido, obviamente.


PARA BAIXO

BANCO DO BRASIL: Ainda estamos enfrentando o problema da agência do Banco do Brasil de Coelho Neto, fechar após 17h e o dia todo nos finais de semana. Esse grande transtorno é meio que inadmissível, visto que pagamos compulsoriamente impostos, além dos custos para se manter cliente do banco. Por isso, é nosso direito ter segurança e usufruir da comodidade de não guardar nosso dinheiro debaixo do colchão.

A culpa do Governo Américo e da esquerda que ele representa

Não dá para imaginar em desenvolvimento e qualidade de vida do homem do campo sem nos remeter à: agricultura familiar (AF), suas dimensões e constante comercialização da produtividade. Um bom começo para isso seria fortalecendo um mercado institucional que revolucionasse a vida socioeconômica do homem do campo de forma continuada — exatamente através do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar).

CHEGADA PELA ESQUERDA

Considerado um dos maiores programas de nutrição do mundo, o PNAE já tem 63 anos de existência. Para nós coelhonetenses, foi preciso que um partido com histórico de luta pelo homem do campo e de esquerda, assumisse a gestão municipal para só então, ver nosso homem do campo e alunos da rede pública de ensino usufruindo com completude dos benefícios advindos desse programa.

Tomando o fato acima como exemplo, convido você a encarar como parte de um exercício democrático que nos torna seres humanos mais tolerantes e sensatos, a reconhecer a importância das diferenças ideológicas, valores e causas que cada partido carrega. Entendendo que são através delas que o poder político norteia todas as mudanças socioeconômicas produzidas na sociedade.

O PNAE teve como marco legal no ano de 2009, através da Lei 11.947, a obrigatoriedade de adquirir no mínimo 30% do valor repassado, pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Hoje intensamente garantido pelo governo Américo de Sousa (PT), o PNAE, leva a todos os alunos da educação básica matriculados em escolas públicas de Coelho Neto a garantia de merenda escolar saudável comprada de agricultores do município.

OS PROTAGONISTAS

Diferentes resultados vem aparecendo, como a permanência dos agricultores no campo, aumento do número de jovens voltados à AF, melhorias na preservação do ambiente, aumento da renda de agricultores familiares e melhoria na qualidade de vida das famílias produtoras a partir do manejo na produção e do consumo de alimentos mais saudáveis.

Foto reprodução: Edivaldo Junior – Engenheiro Agrocóla (Seg. à Esquerda) e Albertino – Sec. de Agricultura (Seg. à Direita)

O sucesso de tudo que os agricultores produzem tem o protagonismo da SEMA – Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca, por meio da sua equipe e da gestão do secretário da mesma, Albertino Veríssimo. A atenção e o suporte ao agricultor chega de forma variada com disseminação de conhecimento sobre melhores práticas de plantio e colheita, manejo de animais, distribuição de sementes, apoio logístico e maquinário agrícola. A secretaria é um destaque no governo municipal, funcionando com sua equipe qualificada, empenhada e altamente dedicada aos valores do homem do campo.

A MUDANÇAS

Setenta e cinco famílias do campo estão passando por transformações irreversíveis no seu núcleo familiar, tanto no aspectos social quanto no econômico. Capacitação e entendimento financeiro são algumas dessas transformações de cunho social. Contudo, é o empoderamento financeiro que tem dado ao homem do campo novas pespectivas e visões, como por exemplo: poder oportunizar seus filhos com uma formação de nível superior.

” Depois de sairem para estudar, ver meus filhos voltarem e atuar na sucessão do que a gente faz aqui é uma coisa que tem nos unido demais”

Renato Aguiar, um dos agricultores que atende o PNAE em Coelho Neto

Uma outra variável econômica é a contratação de mão-de-obra, na maioria dos casos, diaristas que ajudam na produção que aumenta a cada dia. Ilustrando assim, que as mudanças boas do programa atingem também os moradores das localidades produtoras.

A revolução na vida do nosso homem do campo, da economia local e da forma de se alimentar dos nossos estudantes, é algo sem volta. Tudo culpa exclusiva: das famílias agricultoras de Coelho Neto e da sensibilidade da esquerda, isso é inquestionável.

PARA CIMA PARA BAIXO

PARA CIMA


INFORMAÇÃO CONSTRUTIVA: Tenho recebido alguns elogios sobre o posicionamento analítico e informativo deste blogue. Porém, alguns estão me interpretando mal achando que sou um blogue pró-governo, confundindo minhas ideologias políticas com o que escrevo aqui. No narcisismo, o outro não existe. Ele só existe enquanto ele gravita ao meu redor e ele me agrada, ele me dá satisfação. Eu posso ver no outro um inimigo na medida em que ele não me atende, como se eu fosse uma criança.

Infelizmente vou ter que decepcionar alguns, pois independente da minha ideologia politico partidária vou me guiar nas boas práticas do jornalismo mais construtivo e focado em soluções — chave para a construção de mais pontes — e não mais ódio, entre as pessoas.

AMPLIAÇÃO DA MA-034: O trabalho de ampliação das margens da estrada estadual MA-034, trecho que liga a BR-316 à Coelho Neto está em fase de finalização. Breve, quando estiver concluída, o trecho trará uma área de acostamento oferecendo mais segurança para os motorista que trafegam pela rodovia.

ESPETINHO DO CÉSAR: Suculento e saboroso. Para quem ainda não conhece, vale muito a pena conhecer e saborear o tempero do espetinho do César, no amplo espaço que o local oferece. Fica localizado na rua do cemitério São Judas Tadeu.

PARA BAIXO


ALUGUEL CARO: Apesar do desaquecimento da economia, o preço dos alugueis em Coelho Neto não diminuem como em outros locais do país. O resultado disso, são empresas fechando suas portas ainda mais cedo ou migrando para pontos menos caros e longe do movimento do comércio. Tem empresário que prefere ficar sem ganhar nada e ver seu ponto fechado, do que diminuir R$100 no preço do aluguel para seu inquilino.

O quê significa a volta de Moabe Branco para base do governo Américo no legislativo

Sem dúvida o cargo de prefeito é poderoso, mas nenhum pode prescindir de ótimas relações com o Legislativo. Ontem dia 07 (quarta-feira), uma foto onde posam sorridentes o prefeito Américo de Sousa (PT) e o vereador Moabe Branco (PSD), retrataram as boas relações entre os dois poderes e ainda que Américo encaixou o papel natural de líder nas eleições que se aproximam.

É cedo para afirmar com cem por cento de certeza que o programa social, Prefeitura na Comunidade já repercutiu no meio político. Porém, é fato que de repente todos os representantes da política em Coelho Neto já não olham como antes para o governo petista, nem deviam. Em comparação a oposição, Américo tem hoje nas mãos a maior fatia já formada de eleitores, notoriedade política, trabalho desenvolvido e muita capacidade para motivar opinião pública, eleitores e lideranças políticas.

Vereador Moabe, sorridente no encontro com o Prefeito Américo

Na oposição, até agora não há ninguém com capacidade de aglomerar lideranças e sobrepujar a força do governo que vai tentar reeleição. Por tanto, a imagem fotografada de um vereador sorridente por estar de volta à base do Governo Américo, mostra quem será o maior poder de atração de lideranças políticas e votos nas eleições de 2020, não tem como duvidar disso.

Antônio Pires declara pré-candidatura e já fala em derrotar seu principal adversário

O atual vice-prefeito de Coelho Neto Antônio Pires (PCdoB) se tornou o terceiro pré-candidato declarado para as disputas eleitorais de 2020. Numa candidatura pelo mesmo partido do governador Flávio Dino, o PCdoB, o vice-prefeito precisa ainda conquistar o partido por completo. Desfortalecido após rompimento com o governo municipal, Pires falou que se articula para derrotar o prefeito Américo de Sousa (PT).

Utilizando-se de tom forte e confiante numa entrevista dada para um blogue, Pires fez o anuncio da sua pré-candidatura para prefeitura de Coelho Neto em 2020. Evocou nomes de representantes do seu partido (PCdoB) e governo do estado, todos como sendo parte integrante da sua musculatura política. Porém, foi comedido ao demonstrar que nomes como o do Presidente do Diretório Estadual do PCdoB no Maranhão, Márcio Jerry, ainda se diz desejoso em apoiá-lo devidamente ano que vem.

O presidente do PCdoB e aliado histórico do Governador Flávio Dino, Francisco Duduzinho, não fez parte dos nomes mencionados pelo pré-candidato. Em 2016, mesmo tendo sido apontado por Dino para compor a chapa de vice-prefeito de Américo de Sousa, Duduzinho acabou sendo trocado pelo peso político de Antônio Pires. Olhando por esse viés, não se sabe o quanto isso pode ter afetado as relações entre os dois comunistas, já que nunca mais foram vistos juntos desde o rompimento de Pires com o governo do PT.

Experiente e com um entendimento político tal como o de poucos, Pires se mantém com mandato desde quando entrou na política partidária. Todavia, segue desfortalecido após rompimento com o governo do qual ainda é vice-prefeito. Mas, nada impeditivo para articular com o que restou do seu grupo o objetivo de tentar derrotar o governo que ajudou eleger em 2016, o governo do atual Prefeito Américo de Sousa (PT).

PARA CIMA PARA BAIXO

PARA CIMA

POLÍCIA EM AÇÃO:A prisão em tempo record dos supostos envolvidos na chacina que aconteceu na madrugada de sábado (03) no bairro Sarney, traz para cima as polícias Militar e Civil neste quadro. A operação foi desencadeada pela Polícia Militar, coordenado pelo Cap Cleuton, Comandante da 3 Companhia de Coelho Neto e em conjunto com a Polícia Civil, na coordenação do Delegado Márcio e um agente da Polícia Civil.

ILSON BAIANO: Se tornou um dos nomes mais comentados do meio político durante essa semana, repercussão do artigo: “Ilson Baiano, listável até para vice prefeito de Américo de Sousa em 2020“, editado e assinado por este blog.

ILUMINAÇÃO DE LED: Todos nós sabemos bem os transtornos que a iluminação pública de Coelho Neto vive, com sobrecarga de demandas acima da sua capacidade financeira e estrutural, a secretaria responsável faz o que pode para tentar acompanhar os pedidos de instalação de lâmpadas. Na quinta-feira (01), após uma reunião com representantes da CEMAR e Prefeitura Municipal de Coelho Neto, a companhia energética anunciou a doação de 300 lâmpadas de LED para o município, tudo isso como parte de um esforço que tenta consolidar uma maior parceria entre os dois órgãos.


PARA BAIXO

camara-municipal
Início dos trabalhos do segundo semestre de 2019, Câmara Municipal

CÂMARA MUNICIPAL: Quinta-feira (01), a Câmara Municipal de Coelho Neto deu início aos trabalhos do segundo semestre de 2019. O anúncio feito através do site institucional da Câmara e compartilhado nas mídias digitais, não foi o suficiente para atrair o público ao plenário da casa. Menos de 10 pessoas acompanharam a sessão, bem diferente da sessão de abertura dos trabalhos no primeiro semestre de 2019.

Nas eleições de 1982, aconteceu algo inédito: nenhum vereador de mandato foi reeleito em Coelho Neto

No Brasil, 1982 marcou o começo da redemocratização com a primeira eleição depois de 17 anos, a primeira eleição pluripartidária da história. Em Coelho Neto, acontecia algo inédito, a renovação por completa de todos os vereadores municipais. O que é mais interessante nesse fato histórico da nossa política, foi que os eleitores coelhonetenses fizeram uma espécie de campanha para isso acontecer.

O prefeito eleito em 1982 foi o conhecido Raimundo Guanabara do extinto Partido Democrático Social (PDS), onze vereadores assumiriam o legislativo. Inusitadamente nessa mesma eleição, o povo iniciou uma campanha para não eleger nenhum vereador de mandato, algo que serviu como reforço nos discursos do novos pretendentes. O resultado disso foi uma Câmara cem por cento renovada, dali em diante, isso nunca mais aconteceu.

Resultado das eleições de Coelho Neto – 1982 / Amplie para ver os nomes

Ontem dia 01 de Agosto (Quinta-Feira), a Câmara Municipal iniciou seus trabalhos legislativos. Mas, é possível observar na foto enviado por um leitor que houve um certo desinteresse da população com o início dos trabalhos Legislativos.

Foto Reprodução – Início dos trabalhos legislativos, 2º Semestre de 2019

Participe da enquete e dê sua opinião sobre a atuação dos nosso vereadores em Coelho Neto:

Ilson Baiano, listável até para vice de Américo de Sousa em 2020

Para as eleições de 2020 já podemos observar um movimento se intensificando nos bastidores políticos, o amadurecimento dos nomes que concorrerão na disputa pelo consenso popular. Sobre quem serão, sabe-se muito pouco ou apenas que: Américo de Sousa do (PT) vai disputar reeleição, Soliney Silva do (MDB) declarou publicamente que será um dos, e que Luís Serra do (PSD) definitivamente não colocará seu nome de forma direta no jogo eleitoral.

A questão é que, com os dois nomes mais notórios cada vez mais fora da disputa, um espaço se abre. Ideal para que nomes politicamente ativos como o do recente ex-candidato ao cargo de Deputado Estadual, Ilson Baiano, assuma de forma natural um encaixe pela oposição nesse espaço. Alinhado com o governo Flávio Dino (PCdoB) e atuando distante da estratégia de criticar todos para se promover, Ilson Baiano até mesmo faz seu nome listável nas opções de vice do petista Américo de Sousa.

Seria totalmente incoerente lutar contra o poder político do governador Flávio Dino, a quem apoiei quando fui candidato em 2018. Quero seguir alinhado com ele até quando for possível e viável para minhas pretensões em 2020.

Ilson Baiano (Civilidade)

Ilson Baiano tem se movimentado, procurando primeiro entender o contexto e o cenário político, juntando as informações básicas que usará para fazer sua tomada de decisão final. Decerto, já entende bem o tamanho do desafio que tem pela frente, sendo o maior deles ir contra a força de influência que o Governo Américo mantém sobre o Governo de Flávio Dino.

Sobre ser cogitado como vice do Américo em 2020, Ilson diz que a pergunta veio de uma pessoa do governo, que ele não sabe dizer o nível de aproximação dessa com o prefeito. “Vejo a pergunta como um pensamento que passou pela cabeça dessa pessoa. Acho cedo para mudar meus planos e disputar um cargo abaixo do que pretendo no ano que vem, mas são muitas forças envolvidas e a maior delas é a direção que o nosso governador vai decidir tomar”, relatou Ilson Baiano.

Após matéria da revista ÉPOCA, imagem política de Soliney fica a deriva

O Ministro Dias Toffolli, suspendeu todos os processos e inquéritos que utilizavam dados bancários compartilhados sem autorização da justiça e obtidos pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras – COAF. Uma matéria postada no site da revista ÉPOCA sobre a decisão do presidente do STF, usou a denúncia contra o ex-prefeito de Coelho Neto Soliney Silva, para exemplificar os diversos indícios de saques em quase 300 prefeituras do Brasil no valor de R$ 2 bilhões.

Apesar da decisão favorecer o ex-prefeito, pois suspende de vez o processo contra todos os investigados e inclusive ele, não o deixa em situação favorável no tocante a sua imagem política. Principalmente, por pretender voltar ao cargo no qual está sendo denunciado pela Procuradoria Regional da República – PGR, por ter supostamente desviado R$ 3,7 milhões entre 2009 e 2011.

Aos poucos Soliney vem deixando de ser conhecido por seu refinamento no trato político, e hoje se vê sendo sugado para dentro de um buraco negro político criado por ele. Por isso, nem mesmo é preciso oposição atacando o ex-prefeito para gerar o desgaste na sua imagem.

No momento em que Soliney Silva deveria subir no consenso popular, a tendência tem sido o contrário. Com a situação ficando cada vez mais fatigante, visto que quando as forças de coalisões do cenário político se deparam com falta de consenso popular tudo muda. Fazendo com que esses grupos comecem a questionar a solidez na candidatura anunciada pelo ex-prefeito.

A matéria definitivamente deixa um grande arranhão na imagem e na credibilidade da candidatura do Soliney nas eleições 2020. Prejudicando muito seu poder de atrair as coalisões (grupos de lideranças e políticos) que, definem as eleições.

Posts Populares

Meus Favoritos

ses-maranhão

Governo do Maranhão abre processo seletivo de profissionais da saúde

Tendo em vista as medidas preventivas para o enfrentamento do COVID-19 adotadas pelo governador Flávio Dino no Maranhão, a Secretaria de Estado...