fbpx

Política

Início Política Página 3

Pré-candidatos a prefeitos da 3a via começam a acelerar e ocupar espaço

doutor-sampaio

A conjunção de cinco lideranças políticas que formam o grupo da 3a Via começaram acelerar suas pré-campanhas. O intuito disso é iniciar a construção de suas reputações e ganharem notoriedade que infle ainda mais os índices do grupão.

A somatória das intenções de votos dos cinco pré-candidatos da 3a Via tem causado preocupação entre os demais pretendentes ao cargo majoritário.

Antonio Pires (PL), Albino Klauberth (DEM), Doralice Santana (PRTB), Doutor Sampaio (PSDB), Dr. Ricardo (Cidadania) são os cinco pré-candidatos que formam o grupo da 3a Via, juntos eles devem decidir até as convenções partidárias a formação da melhor chapa Majoritária.

A atração de consenso dos pré-candidatos brilha nos olhos dos adversários; mulher empreendedora, homem do campo, médicos e um representante da segurança pública que também é empreendedor fazem o hall das expertises e reputações oriundas do grupo político.

O grupo de pré-candidatos entra numa fase inicial de aceleramento de suas pré-campanhas, afinal de conta, é natural e válido que todos cresçam individualmente seus índices. No fim a somatória pode levar ao consenso popular que os levem a uma vitória eleitoral.

“Nunca vi, nem conheço, só ouço falar”, escreveu o ex-Prefeito Magno Bacelar sobre a atuação dos vereadores de Coelho Neto

Uma postagem feita no facebook recebeu um comentário um tanto que engraçado e provocador por parte do Ex-Prefeito Magno Bacelar.

Assíduo e participativo nas redes sociais, Magno Bacelar recebe muitas curtidas de quem o segue. Dessa vez, seu comentário baseado num trecho de uma música do sambista Zeca Pagodinho provocou um questionamento válido: Qual o motivo da falta de ação do legislativo durante a pandemia?

Atualmente a última ação que consta no portal transparência da Câmara, na parte do diário oficial, foi realizada em abril e é referente a criação do timbre e lema oficial da Câmara Municipal de Coelho Neto.

Simultaneamente à criação do timbre e do lema da Câmara, ato tão essencial à vida do povo coelhonetense, consta também na parte de contratos, dois contratos na soma de 34 mil reais homologados para compra de escada, vasos de plantas, bandejas de papel, capsulas de café e outros itens de jardinagem e coffe-break.

Após o fechamento da janela partidária a Câmara voltou a ter a maioria governista, depois que alguns vereadores trocaram seus partidos por outros que farão a base da candidatura à reeleição do Prefeito Américo (PT).

“Deus vai cobrar de quem é a favor do Comunismo”. Vereador Moabe Branco anda mais confuso do que nunca

O vereador Moabe Branco (PSD), postou um vídeo pedindo desculpas a todos aqueles que o elegeram vereança. Ele também criticou o novo decreto municipal, confundiu “comunismo” com apoio às novas medidas sanitárias, e disse que Deus cobrará por isso.

O vereador Moabe Branco, por duas vezes esteve na base aliada do governo Américo de Sousa (PT). Durante esse entra e saí confuso, e enquanto governo, se posicionou totalmente a favor do que ele descreve erroneamente de “COMUNISMO“. O ponto alto do vídeo ocorreu quando ele assumiu sua incapacidade política como vereador, pedindo desculpas a todos que votaram nele.

O COMUNISMO NÃO EXISTE

Moabe é daqueles que demoniza a palavra “comunismo”, sem saber que esse tal demônio que ele tanto fala em seus discursos entrou em colapso e deixou de existir na década de 80 com a Queda do Muro de Berlim.

Queda do Muro de Berlim em 1989

Comunismo é uma ideologia política e socioeconômica, que pretendia promover uma sociedade igualitária, sem classes sociais e “apátrida”, baseada na “propriedade comum dos meios de produção”.

Para existir o comunismo em um determinado país, é necessário que tal país elimine a propriedade privada dos meios de produção. Ou seja, o governo deve nacionalizar (como os americanos dizem) ou estatizar (como os europeus e nós dizemos) as fábricas, fazendas, grandes empresas etc.

Nem mesmo a Venezuela ou a China é comunista, existem empresas privadas e o livre comércio lá. Já a Coreia do Norte existe uma ditadura, e ditadura existe em governo de esquerda e de direita, aliás, deixa eu me calar aqui…

NÃO É COMUNISMO

Os governos e partidos de esquerda atuais são social-democratas, até mesmo o PCdoB (Partido Comunista do Brasil) é social-democrata, e olha que ele tem o comunismo no nome.

A palavra comunismo hoje é muito utilizada nos discursos de ódio contra governos e partidos de esquerda, só um ridículo desescolarizado pode ver, portanto, no Brasil atual, algum “comunismo” ou alguma “ideia de comunistas”.

Por favor, não passe vexame por aí, repetindo bobagens que acabaram após a Guerra Fria, não passe vergonha, combinado?

E que bom que, Deus não vai cobrar o que não existe em Coelho Neto, nem no mundo.

Adepto do mesmo negacionismo bolsonarista que tem colocado o Brasil na ponta mais alta dos índices de mortos e infectados por covid19 no mundo. Parecendo estar ainda mais confuso do que nunca, Moabe mesclou no discurso gravado em vídeo medidas sanitárias com ideologia politica extinta a mais de 30 anos.

O assunto é polêmico, mas trata-se de apontamento de caminhos sobre nossa economia e saúde pública, nunca de ideologia política e politicagem, Talkey (TÁ OK)

Número real de infectados em Coelho Neto pode ser de 5 a 14 vezes maior, estima Doutor Sampaio

O número de casos de infecção pelo Covid-19 em Coelho Neto chegou a 174 pessoas, segundo uma nova análise de modelagem numérica da Covid-19 — o último boletim do Ministério da Saúde fala em 391.222 casos confirmados hoje (27) no Brasil. Com base em estudos realizados em outros países, Doutor Sampaio estima que o número real de infectados em Coelho Neto é muito mair que os 174 casos.

Um estudo realizado no país de origem do coronavírus, e citado pelo site Uol, estima que 86% das pessoas infectadas por covid-19 não apresentam sintomas ou apenas sintomas muito leves. São justamente essas pessoas que mais espalham a infecção e que também confundem os reais números de infectados. De acordo com o mesmo estudo chinês, os números são subestimados em até 14 vezes.

Levando em contas os assintomáticos, as sub notificações, os aspectos locais e o estudo chinês, Doutor Sampaio afirma que os 174 casos confirmados representam uma porcentagem muito pequena de um número que pode chegar a ser de 05 a 14 vezes maior que isso. “Numa casa com 5 moradores, apenas o que apresentar sintomas fará a testagem, as outras quatro pessoas podem estar infectadas e não apresentar sintoma nenhum”, disse Sampaio.

Essa pessoas infectadas e sem sintomas representam uma grande maioria. Além de fator principal na disseminação da doença pelo nosso município. Doutor Sampaio afirma que, o isolamento social evita que as pessoas sem sintomas transitem por aí sem perceber que estão infectando outras pessoas.

Esses infectados sem sintomas não são culpados de transmitirem a doença, pois eles não percebem que estão doentes. A importância de seguir o isolamento neste momento afasta os principais disseminantes da infecção de outras pessoas. Assim, enquanto isolados, ganham tempo para se curarem e cessar a DISSEMINAÇÃO do vírus.

Doutor Sampaio

Doutor Sampaio, criticou o governo municipal pela falta de eficiência na hora de informar a conscientizar a população. “Você não acha informações sobre vários por quês — porquê a demora na realização da testagem — porquê todos, e até mesmo os que não tem sintomas devem ficar em casa. A prefeitura ainda não oferece um canal de fácil acesso com esse tipo de informações, o que de certa forma contribui para o aumento dos casos em Coelho Neto”, disse o médico.

Acabar com o ciclo de peleguismo do SINTASP está nas mãos dos associados

De repente, o legado de anos de defesa ininterruptas dos direitos dos servidores públicos são completamente emporcalhados. A partir de 2017, O SINTASP MCN (Sindicato dos Trabalhadores e Servidores da Micro Região de Coelho Neto) se entregou ao peleguismo, falta de coletivismo, e o que é pior, se tornou passivo na relação com o executivo.

Num passado não tão distante, o SINTASP agia de forma muito atuante, acampava nas praças, guerreava na justiça sem pestanejar, era engajado. Poucos sabem, mas durante algum tempo fomos a cidade que melhor remunerava professores municipais no país, isso tudo fruto de um sindicado intenso e atuante.

Quando o ex-presidente do “sintasp” foi para o outro lado do front, houve uma necessidade de arrumar algo constituído em couro, que é colocado sobre a sela, e permite uma cavalgada mais confortável.

Longe de Casa

A título de exemplo de peleguismo, servidores municipais com dois terços de férias atrasados, tiveram que recorrer ao Ministério Público Estadual para obter alguma resposta do executivo sobre esses atrasos. Tudo isso ocorria ao mesmo tempo que, o atual presidente do sindicato postava fotos em seu facebook marchando pelo direito de servidores públicos a quilômetros de Coelho Neto, numa conveniente cidade litorânea.

Deu B.O

Uma assembléia realizada em pleno estado de pandemia pelo (SINTASP-MCN), causou revolta em seus filiados. Vários boletins de ocorrência estão sendo formalizados contra o sindicato, e os motivos envolvem a divulgação obrigatória da assembleia feito em um jornal que não circula em Coelho Neto, o período inoportuno para aglomerar pessoas e a assinatura em ata de pessoas que sequer sabiam de tal assembleia.

Uma associada divulgou uma carta aberta afirmando que não participou de assembleia nenhuma, mesmo com seu nome constando na lista de presentes da ata da assembleia registrada em cartório. A associada registrou um boletim de ocorrência contra o sindicato, e o crime cometido foi o de falsidade ideológica com pena de 1(um) a 5 (cinco) anos, e multa, se o documento é público.

Nome de associada consta na lista de presença da assembleia, mas ela diz não ter participado

Este ano, escolhe-se através de votação uma nova diretoria para dirigir o sindicato. Com a maior parte dos servidores públicos associados sobrecarregados com os sentimentos de abandono e revolta, tudo se encaminha para o fim de um ciclo que já dura 18 anos. A mudança está nas mãos dos servidores.

Novo decreto fecha toda a área territorial do município de Coelho Neto

coelho-neto-ma

Foi sancionado pelo prefeito municipal de Coelho Neto nessa terça-feira (05), um novo decreto que estende medidas de combate ao coronavírus atualmente em vigor, e insere outras, de caráter mais restritivas. Em apenas um dia, o número de casos de infectados subiu de 13 para 21 casos confirmados, um aumento de 61%.

O primeiro decreto com medidas para conter a propagação do coronavírus em Coelho Neto foi emitido ainda em março, de lá para cá, quase nada mudou na rotina da cidade. As barreiras sanitárias implantadas tardiamente pela prefeitura tem desempenhado um trabalho paliativo e sem muito rigor, atividade semelhante a uma blitz informativa.

Com as novas medidas, do novo decreto, a ordem é proibir a entrada e saída de transportes alternativo de passageiros de qualquer espécie até o dia 14 deste mês (maio). Fica restrito também a entrada e saída de veículos particulares que não se enquadrem nas exigências abaixo:

  • Deslocamento de entrada e saída do município para o exercício profissional do trabalho
  • Deslocamento de pessoas doentes com doenças crônica, ou que precisem de cuidados médicos em outras cidades, como hemodiálise, acompanhamento cardíacos, ou transplantados, ou doentes renais, ou de pacientes que fazem uso de medicamentos contínuos, recebidos da FEME ou só adquiridos em outras cidades, ou de gestantes, de risco ou não
  • Compra de suprimentos para atividade profissional/comercial que não sejam encontradas em Coelho Neto/MA, inclusive para a confecção de máscaras para costureiras.
  • Deslocamento para consultas médicas e/ou odontológica/exames em outras cidades, devidamente comprovado.
  • Motivos familiares para assistência a pessoas de grupo de risco que se encontrem em outras cidades, devidamente comprovado.
  • Deslocamento dentro do município.
  • Deslocamento da zona rural para a zona rural urbana e seu retorno de pessoas residentes nestas localidades.

O decreto permite ainda que, agentes público façam a apreensão dos veículos que não atenderem as disposições do decreto.

Bancos e correspondentes da Caixa, resumidamente, deverão cumprir as exigências de distanciamento, exigência de mascaras por parte dos clientes e quantidade de pessoas dentro dos locais de atendimento. As aulas em todas escolas de qualquer esfera estão suspensas até 31 de maio.

O governo está autorizado, via decreto, fazer o remanejamento de servidores públicos de outras secretarias para à secretaria de saúde, com a finalidade de reforçar o combate da disseminação do Covid 19, enquanto durar a situação de calamidade pública.

Prefeito Américo confirma primeiro Caso de Covid 19 em Coelho Neto

0
Americo-de-sousa

O prefeito Américo de Sousa (PT), utilizou nesta segunda-feira (27) suas redes sociais para anunciar o primeiro caso de covid 19 em Coelho Neto. Sem mais detalhes, a mensagem postada foi bem simples.

A situação reflete preocupação, visto que as aglomerações nas agências bancárias não param de crescer, e o poder público não achou um meio eficiente de conscientização da população que insiste em não manter o distanciamento apropriado.

A recomendação é que sigam as orientações dos decretos do governo do estado e do município para conter ao máximo a disseminação dessa infecção. O sistema municipal de saúde tem apenas dois respiradores, ou seja, adquirir essa infecção no município de Coelho Neto é muito mais arriscado do que se imagina.

Doutor Regino poderá substituir Américo na chapa petista

doutor_regino

Existe uma grande possibilidade do prefeito Américo de Sousa (PT) não disputar as eleições 2020 e ser substituído, o motivo seria a pouca possibilidade de contornar o quadro de rejeição que se instalou em torno do seu nome. Na tentativa de salvar o mandato do seu pequeno grupo, Doutor Regino foi procurado para vaga de vice-prefeito, mas ele não aceitou e teria exigido ser o majoritário na chapa petista.

Sem tempo para construir uma mudança de reputação e sem algo substancial para apresentar, Américo começa entender que sua candidatura se tornou inviável. Seus maiores feitos foram as reformas de algumas escolas que aconteceram em 2017, de lá para cá nada de mais foi realizado.

O projeto social feito para lhe render aprovação popular, o prefeitura na comunidade, não caiu nas graças da população. O projeto que dura uma manhã e um pedaço de tarde não deixa quase nada de benfeitorias permanentes. Não demora muito e a população logo se depara com os mesmos problemas de dias antes da visita do projeto.

Ao dizer que não ouviria reivindicações que não viessem de um sindicato totalmente apático no que toca a defesa dos direitos dos seus associados, Américo acabou afastando de vez o apoio dos servidores efetivos. O grupo do prefeito encolheu desde que esse assumiu o poder, e já se instaurou uma preocupação coletiva sobre a grande possibilidade desse se ver fora de um poder do qual mal entraram.

Diante dessa situação, ouve-se nos bastidores que Dr. Regino Aristide foi procurado para compor a chapa petista na vaga de vice-prefeito, e assim partir para o embate com um fator moderador da rejeição do prefeito Américo. Mas, que esse teria feito uma imposição para se apropriar do lugar do rejeitado Américo de Sousa na chapa majoritária.

Carnaval de Coelho Neto vira alvo de zombaria na capital maranhense e redes sociais

0

O Carnaval de Coelho Neto conseguiu alcançar um notoriedade viral nada positiva nas mídias sociais. Orçado em quase meio milhão, sua decoração visivelmente barata e nada a ver com o carnaval serviu de zombaria em redes sociais da capital São Luis e Coelho Neto.

A empresa de construção civil que também produz eventos D L ENGENHARIA E LOCAÇÕES, parece ter ficado confusa ao antecipar o tema de festa junina em pleno carnaval. Uma chuva de críticas e perfis zombando da decoração viralisaram nas mídias sociais.

Ao chegar no corredor o que se vê é uma decoração feita de material barato como barbante, tnt colorido e alguns metros de tecidos, que em nada correspondem com os exorbitantes R$ 464 mil reais que serão gastos para realização do carnaval nesse ano eleitoral.

Américo perde três aliados na Câmara. Falta de dialogo e inabilidade política são as causas.

0

Na sessão plenária dessa segunda-feira (17) na Câmara Municipal de Coelho Neto pelo menos três vereanças anunciaram suas saídas da base do governo Américo de Sousa (PT). Nessa altura do campeonato, um golpe na imagem do governo e a simples demonstração que Américo de Sousa não cumpre promessas, não dialoga e nem tem habilidade para obedecer as regras do jogo político.

O vereador João Paulo e Reginaldo Jansen ex-líder de governo (Cará) ambos do (MDB) anunciaram juntos o rompimento com o governo Américo de Sousa. A partir de agora eles não darão apoio à base aliada petista na Câmara e retornam de onde saíram para apoiar o MENINO DO SOLINEY.

O outro vereador que deixou de ser da base aliada do governo na Câmara foi Moabe Branco (PSDB), sensatamente esse só apontou o caminho majoritário que não irá seguir. Apesar da opção de poder apoiar o Menino do Soliney, como os demais separatista, Moabe exita em ir para o grupo dominado pelo pai desse.

Falta de diálogo

Américo pouco dialogava com a Casa e seguia seu estilo vertical (de cima para baixo) de determinação política. Nem mesmo quando era contatado de baixo para cima, ilustrado aqui seu estilo, ele chegava a atender as ligações do atual presidente da Câmara Municipal, Marcos Tourinho (PDT).

Foram rara as vezes que o prefeito visitou a Câmara, se algum vereador quisesse tratar alguma demanda com Américo o caminho sempre começava e terminava no gabinete do executivo municipal, nunca o contrário.

Inabilidade Política

A inabilidade Política do prefeito Américo fica exposta no momento em que se compara a quantidade de lideranças e apoiadores que estiveram com ele em 2016 e ainda permanecem ao seu lado. A lista incluí, Josué Viana, Cristiane Bacelar, Antonio Pires e Lisa Pires como alguns dos nomes mais conhecidos.

Américo joga xadrez sem obedecer às regras do jogo. Existe uma lógica de que o vereador ao se tornar base aliada possa indicar cargos políticos que sustentem seu capital político, é só política não há como fugir disso. Por exemplo, qual dos vereadores indicaram cargos nas escolas para secretário, coordenador ou diretor?

O cenário político de reeleição de Américo de Sousa se desenha como o pior possível, sabe-se que esse é só o começo de uma debandada de apoios que seu governo sofrerá na Câmara Municipal. Aos poucos fica evidente qual será o lado mais arriscado para a classe política investir apoio.

Com esse cenário e os índices de rejeição do governo, não seria ruim reconsiderar a ideia de gastar energia e tempo para ser: “o candidato já derrotado de 2020“.

Posts Populares

Meus Favoritos

Manifestação marcará cobrança de justiça por mortes no trânsito em Coelho...

A Família do senhor Laurindo Teixeira Neto convida a todos para se fazerem presentes a uma manifestação pacífica, para pedir justiça pela...